Data/Hora: 31 Out 2020

 
 


Criar Novo Tópico Responder a este Tópico  [ 30 mensagens ]  Ir para página Anterior  1, 2
 23 anos após a 1ª viagem, 10 "voltas ao Mundo" depois... o que posso contar?! Experiências 
Autor Mensagem
Ouro
Avatar do Utilizador

Registado: 06 Nov 2008
Mensagens: 1919
Localização: Nos confins do sistema solar...
Positivos
13
Negativos
1



TD's nos últs 90 dias: 1 - Andando / Cuscando / Sonegando
Mensagem 23 anos após a 1ª viagem, 10 "voltas ao Mundo" depois... o que posso contar?! Experiências
Só agora reparei neste tópico criado pelo Filipe C “trota-mundos” Pinto.
Pessoalmente, corri diversas partes do mundo por terra, ar e mar, mas devo confessor que sinto muito mais o apelo das montanhas e das pequenas aldeias do que das grandes urbes. No entanto, aqui vai a minha lista na qual, curiosamente, deixo de lado referências óbvias, como Paris, Londres e Nova Iorque – coisas de gosto. E faço, ainda, menção a algumas pequenas pérolas.


Reiquejavique
É outro mundo. Pequena, colorida, plena de cafés, bares, galerias de arte e… estonteantes loirinhas descendentes de vikings, é ainda uma cidade que vale pelo cenário em redor, com montanhas esculpidas por vales glaciares e cumes cobertos de neve.
Imagem

Barcelona
Pouco – e muito – haverá a dizer sobre a grande urbe catalã. Corri-a diversas vezes: o Bairro Gótico, o L’Eixample, a remodelada marina, Berceloneta, Montjuic e o estádio olímpico, as ramblas, as elegantes Passeig de Gràcia e Plaça de Catalunya, visitei o Parc Guell, a Sagrada Família, as casas Millà e Batló e o Poble Espanyol. Barcelona sempre me caiu no goto – à excepção do Barcelona clube. E é das poucas cidades, exceptuando Lisboa, em que me via viver.
Imagem

Florença
A minha segunda casa, a cidade onde vivi alguns anos da minha vida, a cidade onde regresso sempre com gosto – amo-para toda a eternidade. Daí o meu fraquinho pela Fiorentina e pelas florentinas. Apenas uma coisa me chateia: está, sempre, atulhada de turistas.
Imagem

Roma
Vivi, na capital italiana, alguns dos períodos mais divertidos da minha vida. Ainda é, como já foi, a capital da Europa. O Tibre, os Fóruns romanos, o Coliseu, o Quadrilátero e o Vaticano, entre outros, são referências incontornáveis, mas a cidade de Rómulo e Remo é muito, muito mais que isso.
Imagem

Praga
Enferma do mesmo problema de Florença: está permanentemente demasiado repleta de turistas. No entanto, é um prazer inolvidável percorrer os bairros históricos: Stare Mesto, Nove Mesto, Mala Strana, Josefov, o Castelo e a catedral de São Vito. Contudo, felizmente, ainda há a Praga menos óbvia: o parque Letná, as ilhas do rio Moldava, os jardins de Troja, as pontes que não apenas a Ponte Carlos. E os bares, as cervejarias com produção caseira, os antigos Skoda e Trabant que ainda circulam. E os mais belos olhos – e rabos e mamas – da Europa.
Imagem

Jerusalém
Já foi há alguns anos que andei por lá, numa altura em que o clima não era propriamente pacífico. Mas, na curta estadia de quatro dias, posso dizer que a velha urbe me marcou. Fui a alguns lugares sagrados da cristandade – o Santo Sepulcro, o Monte das Oliveiras, parte da Via Sacra – mas também do judaísmo – foi impressionante o contacto com o Muro das Lamentações, rodeado por rabinos ortodoxos – e ainda do islamismo – como a extraordinária mesquita Cúpula da Rocha. Em todos, senti um ambiente de grande misticismo, algo de inexplicável mas que se sentia no ar. E nunca hei-de esquecer o périplo pelo bairro palestiniano, bebendo chá em esplanadas de rua e com soldados israelitas, de metralhadora em punho, a zelarem todas as esquinas. Poucas vezes me senti tão seguro.
Imagem

Yangon
Não é fácil, não é das coisas mais acessíveis, mas é uma experiência de vida. Quando lá fui, a Birmânia era um dos países mais fechados da altura, vivendo uma ditadura militar de repressão, mas, ironicamente, foi essa situação que me permitiu conhecer um país quase virgem em termos turísticos. E gostei da amabilidade das gentes, a curiosidade inocente de quando me abordavam como se fosse um ser alienígena… A capital Yangon, a antiga Rangoon britânica, é populosa, um pouco caótica em determinados pontos, o trânsito é infernal, mas tudo é amenizado pela quantidade de jardins, lagos e templos. E há um deles então, o Shwedagn Pagoda, que é das coisas mais extraordinárias que vi na minha vida: centenas de monges budistas cirandavam pela vastidão do espaço, preenchido por pátios e pequenos nichos de oração, mas todo o complexo é dominado pela fantástica cúpula doirada que, consta, contém um cabelo de Buda. Consta.
Imagem

Bangkok
A capital tailandesa é um sortilégio de sons, cores e cheiros. É um turbilhão de sensações, de um mundo que, sendo do sudoeste asiático, consegue miscigenar-se com algo de Ocidental, mas nunca renegando as tradições de antanho. Há arranha-céus, há ruas coloridas, as bicicletas e os tuk-tuks enxameiam as estradas, há mercados no passeio ou no rio. E há a gentileza doas gentes, sempre com sorrisos no rosto. E tão afastada de Sukkothai, Ayuthaya, Phuket, Krabi, Ko Samui... Para o bem e para o mal.
Imagem

Xangai
Durante uma semana percorri Xangai de lés-a-lés. E descobri uma metrópole fascinante uma espécie de junção de dois mundos. Perdi-me nas vielas do Bairro Chinês no coração da cidade; no Bund senti-me na Europa, entre edifícios de arquitectura vitoriana e restaurantes de estalo; na Concessão Francesa parecia estar em tempos que já não voltam; em Pudong senti-me a viajar pelo futuro, tais os cenários futuristas e edifícios arrojados. Mas há mais: Xintiandi, onde os jovens dão asas à liberdade; Najing Lu, a rua do comércio, repleta de lojas de marca e neóns que ofuscam; o jardim Yuyuan, as belíssimas casas de chá, o lavar as vistas nas margens do rio Huangpu. Em Xangai senti-me dividido: parte de mim queria ficar, outra parte queria partir. E parti, comodamente instalado no comboio Maglev, a 480 km/h!
Imagem

Cidade do Cabo
É uma das minhas cidades preferidas – nem parece África, sem desprimor. É mediterrâneo, é sol, é alegria, é a descontracção. Gosto de Cape Town como gosto de uma amante. Pela moderna marina, pelo centro histórico, pela Table Mountain, por Kirstenbosch, por Camps Bay, pelas Doze Apóstolos, por Roben Island e pela imensidão do oceano diante dos olhos. E pelo gin tónico. Pelas loiras deslumbrantes. Pelos decotes arrojados. Pelo pôr-do-sol. Teve origens holandesas, mas merecia ser portuguesa.
Imagem


Em Espanha, existem duas localidades em particular que me cativaram. Na costa norte, San Sabastián é uma cidade nem muito grande nem demasiado pequena – um pouco à minha medida. Não renegando o legado basco – mas não tão acérrima como a vizinha Bilbau – denota um passado elegante embora um pouco encalhada no tempo. Contudo, o entorno e a localização geográfica são invejáveis: uma baía em meia-lua coroada em cada extremidade por dois montes, a meio, em frente ao areal, uma ilha e, ao lado da praia, um rio que desagua no Atlântico. O único óbice é que chove desalmadamente. Diferente é Viella, uma vila mimosa, florida e constituída por habitações de pedra, alcandorada nos Pirinéus e com vistas soberbas para os cumes.
Imagem
San Sebástian
Imagem
Viella
Passando a França, e à margem de Paris, passei verões bastante agradáveis em localidades do interior: Cordes sur Ciel e Saint Cirq la Popie, estão alcandoradas no topo de elevações, distinguindo-se pela tranquilidade e pelas ruas e casas medievais. Diferente é Collonge La Rouge, perto de Brive en Gaillard e que merece um desvio da auto-estrada. Como o nome indica, é uma vilazinha toda em tons vermelhos, porque quase tudo é construído, com pedras da região, dessa cor. É muito bonita, mas Rocamadour é mesmo um caso à parte: parece quase impossível como se edificou esta povoação num promontório íngreme e rochoso – é quase um precipício! No entanto, tem ruas estreitinhas, praças, largos e casas que se fundem com a rocha. É imperdível!
Imagem
Cordes sur Ciel
Imagem
Saint Cirq la Popie
Imagem
Collonge la Rouge
Imagem
Rocamadour
Em Itália, entre tantas elegíveis, há uma que me toca pessoalmente e por grandes razões: San Gimignano, a vila das torres na região toscana e onde passei alguns dos melhores momentos da minha vida: apaixonei-me – por alguém e pela localidade.
Imagem
Por fim, não podia deixar de incluir Cesky Krumlov, na República Checa, que foi totalmente recuperada após ter sido abandonada. E que restauro! Ao corpo e à alma. É localizada nas margens do rio Moldava, que ali ziguezagueia e é linda de morrer, parece que estamos num conto-de-fadas.
Imagem
Menções honrosas, ainda a título pessoal, para Salzburgo, na Áustria; Oaxaca, no México; e a cidade do Mindelo, na ilha de São Vicente, Cabo Verde. Porque… sim!
Imagem
Salzburgo
Imagem
Oaxaca
Imagem
Mindelo

_________________
Love will tear us apart, again...

09 Mar 2018
Perfil

 
 
Ouro
Avatar do Utilizador

Registado: 28 Out 2010
Mensagens: 5697
Positivos
139
Neutros
7
Negativos
5



TD's nos últs 90 dias: 0 - Voyeur
Mensagem Re: 23 anos após a 1ª viagem, 10 "voltas ao Mundo" depois... o que posso contar?! Experiências
Caro Plutão, és com certeza uma pessoa vem avalizada para acrescentares "boa matéria" por aqui. E portanto bons olhos te vejam! :smt023

Olha vou falar 1 pouco das tuas escolhas se me permites:

- Reiquejavique - Não conheço. Mas já me disseram maravilhas. E a Islândia é um sonho antigo que com certeza já esteve mais longe de se concretizar (por ex amanhã mesmo vou rumar pela 1ª vez à Nova Zelândia, outros dos destinos que ansiava por conhecer)!

- Barcelona - Adoro aquela cidade. Ainda na passada semana tive de por lá passar (passe o pleonasmo). Está na minha lista de top10, portanto...

- Florença - Ah tb viveste na capital do Renascimento. Temos isso em comum. Totalmente explicado portanto o estar em "ambas as 2" listas!

- Roma - É a minha cidade europeia favorita. Ponto.

- Praga - Se houve 1 cidade que "ficou no 11º lugar do meu TOP10" foi mesmo esta. E isso já explica o que penso sobre a lindíssima capital checa!

- Jerusálem - Fui em Setembro de 99 (tinha 19 aninhos portanto) à "cidade santa". 2 meses depois começou a 2ª Intifada. Já voltei a Israel (Telavive é uma cidade com uma "movida"...) mas nunca mais a Jerusálem. Um dia quero regressar para a explorar melhor (tb foram 3/4 dias apenas). Mas gostei!

- Yangon - Não conheço. Nunca estive naquele país (Birmânia).

- Bangkok - Já por ali passei um par de vezes. Fantástica(s) experiência(s). O mercado do sexo então é asfixiante! Mas a cidade tem muito mais a oferecer. Gostei e gosto de Bangkok. Mas prefiro por ex Tóquio, Singapura ou Hong Kong... Gostos...

- Shanghai - ... ou Shanghai (continuando o parágrafo anterior). Tenho a sorte de anualmente passar uma semana em Shanghai (e tb chega). E é um daqueles casos em que a cada visita mais motivos arranjo para cada vez mais gostar da cidade. E sim o Maglev que nos transporta do Aeroporto para a cidade (ou vice versa) logo nos mostra "onde chegámos"!

- Cidade do Cabo - Quando me perguntam qual é a cidade naturalmente mais bonita que conheceste ou onde já estiveste, eu respondo sempre que essa cidade é Cape Town! Só lá estive por 1 vez (1 semana ou um pouco mais que isso aliás) e trata-se até da única cidade sul africana que visitei (ou onde o trabalho me levou), mas fiquei fascinado por ela. Só que na minha lista defini que não colocaria cidades com apenas 1 visita (tem que se tirar dúvidas não é?), e a Cidade do Cabo foi uma das cidades penalizadas por isso (como por ex, tb cidades como Chicago, Los Angeles, San Francisco, Vancouver ou São Petersburgo só para nomear mais algumas)!

Do que falas de Espanha, apenas conheço San Sebastian. E adoro aquela cidade. Possivelmente a minha 2ª cidade espanhola favorita depois de Barcelona. Passei por lá em exactas 2 ocasiões e em anos consecutivos (2011 e 2012) e adorei o tempo que lá passei. Isso faz-me lembrar que já é mais que hora de um dia lá voltar!

Do que escreves acerca de França, nada conheço. Portanto... Mas vou reler atentamente. Se dizes que vale a pena!

Eu explorei até que bem grande parte da Toscânia, globalmente para mim a zona mais bonita de Itália (e não é fácil possuir esse galardão), e por ex rumei a Siena algumas vezes... mas acho que nunca passei por San Gimignano essa cidade de que falas! Quer dizer vi muitas Torres e castelos por ali... tenho de ir consultar os meus arquivos. Mas basta ser uma típica cidade medieval toscana que eu já estou convencido!

Só conheço 2 cidades checas: Praga e Cesky Krumlov. Portanto acho que tens um excelente gosto tb (ou então sou eu). Sim é adorável. Mesmo já não a vendo desde 2006 (na altura fazendo "escala" da ligação Viena-Praga do meu Interrail)!

Finalmente as tuas últimas 3 sugestões:

- Salzburgo - Gostei bastante. Umas das minhas favoritas pequenas/médias cidades europeias (como por ex Brugges ou Dubrovnik). E a Aústria é um daqueles países que aconselho toda a gente a visitar mas tipo de Norte a Sul, de Este a Oeste!

- Oaxaca - Não conheço. No México apenas estive na capital (3 vezes). E na Península do Yucatão numa outra ocasião.

- Mindelo - Pois, fui por 2 vezes a Cabo Verde (a 2º curiosamente em Janeiro deste ano, sendo que desta vez optei pela Boavista), mas nunca fui ao Mindelo e à Ilha de São Vicente. Talvez um dia quem sabe. Enquanto tiver espírito "para ir e vir"...

yesss

_________________
Sempre me disseram... não fodas amanhã o que podes foder hoje!

10 Mar 2018
Perfil
Aprendiz

Registado: 19 Abr 2012
Mensagens: 5253
Localização: Nelas
Positivos
9
Neutros
1
Negativos
1



TD's nos últs 90 dias: 0 - Voyeur
Mensagem Re: 23 anos após a 1ª viagem, 10 "voltas ao Mundo" depois... o que posso contar?! Experiências
Boa Plutao não me digas que es o Nuno Lobito!!!!

10 Mar 2018
Perfil
Ouro
Avatar do Utilizador

Registado: 06 Nov 2008
Mensagens: 1919
Localização: Nos confins do sistema solar...
Positivos
13
Negativos
1



TD's nos últs 90 dias: 1 - Andando / Cuscando / Sonegando
Mensagem Re: 23 anos após a 1ª viagem, 10 "voltas ao Mundo" depois... o que posso contar?! Experiências
Caríssimo Filipe, então é assim:

Reiquejavique vale muito a pena, assim como toda a Islândia. E até tive a felicidade de ter visto uma aurora boreal!

Jerusalém é qualquer coisa de diferente, mas confirmo que Telavive, onde passei apenas uma noite, tem uma "movida" bastante peculiar.

Visitei a Cidade do Cabo várias vezes e, por isso, sinto-me confortável em dizer que está no meu top 3, e não de África, mas sim de todo o mundo. Tens de ir lá mais vezes!

Aquelas localidadezinhas que referi em França foram descobertas por acaso, quando partia de carro à aventura pela Europa fora. É preciso sair de auto-estradas e ir um pouco ao sabor do vento e foi assim que as encontrei. Tive algo semelhante quando, há uns anos, saí da auto-estrada Saragoça-Barcelona quando vi a indicação "Monasterio de Piedra", perto de Calatayud. Saí e fiquei estarrecido quando me deparei, no meio do deserto que é Aragão, com um autêntico oásis - lagos, rios, cascatas, vegetação em barda. Que surpresa!

Em relação às três últimas "propostas", posso adiantar que gostei de Salzburgo (especialmente por ter lá estado perto do Natal, com neve, ruas iluminadas, mercados de natal e a provar vinho quente). No entanto, estou como o Tinoni: acho a Áustria um bocado "chata"...
Oaxaca é no meio dos vales centrais mexicanos, completamente fora de rota. Contudo é uma cidade bem bonita e bastante preservada dos tempos do colonialismo espanhol. Não é por acaso que é Património Mundial.
O Mindelo é um caso muito pessoal. A cidade cativou-me e as pessoas (particularmente uma :smt049 ) cativaram-me e bastante. De resto, nem a considero a mais bonita de Cabo Verde, pois a primazia vai para a cidade de São Filipe, na ilha do Fogo.

De resto, está-me a parecer que temos gostos muito semelhantes: Barcelona, Roma, Praga, Cesky Krumlov, Bangkok, Xangai, San Sebastián... e Florença (e Siena, Lucca, Arezzo, Cortona, Montepulciano, Pienza, Monterriggione, Cole di Vald'Essa, Pitigliano... e San Gimignano, que é OBRIGATÓRIO!)

Apenas um pormenor: normalmente, gosto mais de outras cidades que não as capitais.
Espanha, Barcelona
França, Lyon
Áustria, Salzburgo
Suíça, Zurique
Até no Liechtenstein! Prefiro Triesenberg a Vaduz
Itália, Florença
Inglatera, Bath
Escócia, Glasgow
Holanda, Utrecht
Bélgica, Bruges
Grécia, Heraklion
China, Xangai
Canadá, Vancouver
EUA, La Joia
Porto Rico, Isabella
Panamá, Bocas del Toro
Brasil, Paraty
Marrocos, Chefchaouen
Zimbabwe, Victoria Falls
Zâmbia, Livingston
Etc...

Por último, há três locais que nunca fui, mas que estão entre os mais desejados:
Chile (de norte a sul)
Namíbia
E, acima de todos, a Nova Zelândia [-o<

_________________
Love will tear us apart, again...

11 Mar 2018
Perfil
Ouro
Avatar do Utilizador

Registado: 06 Nov 2008
Mensagens: 1919
Localização: Nos confins do sistema solar...
Positivos
13
Negativos
1



TD's nos últs 90 dias: 1 - Andando / Cuscando / Sonegando
Mensagem Re: 23 anos após a 1ª viagem, 10 "voltas ao Mundo" depois... o que posso contar?! Experiências
vicente Escreveu:
Boa Plutao não me digas que es o Nuno Lobito!!!!


Epá, vicente...

Não, não sou, mas tem vezes que não me importava.
No meu currículo apenas tenho 57 países... :(

_________________
Love will tear us apart, again...

11 Mar 2018
Perfil
Putanheiro

Registado: 03 Mai 2013
Mensagens: 2319
Positivos
58
Neutros
3
Negativos
7



TD's nos últs 90 dias: 0 - Voyeur
Mensagem Re: 23 anos após a 1ª viagem, 10 "voltas ao Mundo" depois... o que posso contar?! Experiências
Campeão!
Aqui tão perto e de beleza rara
https://www.google.pt/search?q=polonia+ ... b7PatSEaMM:
Jã estive 2x e voltarei

11 Mar 2018
Perfil
Aprendiz

Registado: 26 Out 2015
Mensagens: 128
Positivos
6
Neutros
1
Negativos
3



TD's nos últs 90 dias: 0 - Voyeur
Mensagem Re: 23 anos após a 1ª viagem, 10 "voltas ao Mundo" depois... o que posso contar?! Experiências
Se me permitem vou partilhar as minhas experiências :

1 - Munique
Vivi 2 anos em Munique e simplesmente adorei :smt049 É a minha cidade favorita, era a cidade que escolheria viver se me perguntassem. A cidade tem tudo: é moderna mas nao caótica. Praticamente nao tem desemprego. É perto das montanhas e da praia ( os lagos no norte de Itália ficam a 2h30 de caminho ). Fica no centro da Europa com comboios a saírem para todas as capitais europeias. Funciona lindamente, com imensos espaços verdes, sem transito caótico, e tendo varias sedes europeias de multinacionais encontras facilmente em bares e restaurantes pessoas de todo o mundo que é espectacular.

Imagem

Imagem

E claro o oktoberfest [bigsmile] [bigsmile]

Imagem

Imagem

2 - Auckland. Auckland como a propria NZ é um país relativamente recente e ves isso ao vaguear por a cidade, em que nao vez mt historia, mt patrimonio, é tudo mt recente, mt predio.
Apesar disso, a Nova Zelandia é lindíssima. Tem paisagens de cortar a respiração. Todas as paisagens que vemos no Senhor dos Aneis e The Hobbit sao espectaculares, é um país onde iria viver só por a paisagem natural, vale a pena visitar.

3 - Lisboa :razz: Adoro Lisboa.

Umas postas de pescada :mozilla_tongue: em relaçao ás cidades que os confrades mencionaram

- NY Adorei, estava em Toronto em trabalho e tirei uns dias para atravessar o lago e ir a NY. A cidade é espectacular, nao tem outra maneira de dizer.

- Florença é lindissima.

- Roma é um museu gigantesco ao ar livre. Nao viveria em Roma, o transito e a quantidade de pessoas ( turistas ) é caotico.

- Milao, nao gostei.

- Londres, 2 Fds ainda nao deu para ver tudo :D

- De algumas das capitais da Europa Central ( Varsovia, Vienna, Budapeste ( desilusão), Lubliana, Bratislava ) a que destaco é Praga. Praga é muito muito bonita. Mulheres lindíssimas, edificios brutais, um rio espectacular. Adorei Praga.

23 Mar 2018
Perfil
Ouro
Avatar do Utilizador

Registado: 28 Out 2010
Mensagens: 5697
Positivos
139
Neutros
7
Negativos
5



TD's nos últs 90 dias: 0 - Voyeur
Mensagem Re: 23 anos após a 1ª viagem, 10 "voltas ao Mundo" depois... o que posso contar?! Experiências
Plutão Escreveu:
vicente Escreveu:
Boa Plutao não me digas que es o Nuno Lobito!!!!


Epá, vicente...

Não, não sou, mas tem vezes que não me importava.
No meu currículo apenas tenho 57 países... :(


Com a Nova Zelândia já são 80 exactos! Venho encantado de lá... e só tenho 2 palavras - o que até é injusto para aquele país... - que são: Milford Sound!!! Não sei se haverá cenário mais belo - tão quanto talvez... - como aquele por este Mundo fora...
Talvez chegue aos 100 (ou talvez não, porque não sei se haverá duas dezenas de países que ainda não tenha ido que me "puxem" a lá ir... deverei mais é revisitar e conhecer mais entre aqueles onde já fui)! :-k

Sobre o que escreveste atrás, algo me ressaltou: é que eu morei um semestre em Utrecht a fazer Erasmus e gostei bastante da cidade. Mas mesmo assim prefiro Amesterdão! :smt023

_________________
Sempre me disseram... não fodas amanhã o que podes foder hoje!

28 Mar 2018
Perfil
Ouro
Avatar do Utilizador

Registado: 28 Out 2010
Mensagens: 5697
Positivos
139
Neutros
7
Negativos
5



TD's nos últs 90 dias: 0 - Voyeur
Mensagem Re: 23 anos após a 1ª viagem, 10 "voltas ao Mundo" depois... o que posso contar?! Experiências
Pracimadelas Escreveu:
Campeão!
Aqui tão perto e de beleza rara
https://www.google.pt/search?q=polonia+ ... b7PatSEaMM:
Jã estive 2x e voltarei


Adorei conhecer Cracóvia. Já lá estive por 3 vezes. É de longe a minha cidade polaca preferida (ah e eu gosto tanto de polacas tb...) e uma das cidades que se têm de conhecer na Europa Central/de Leste! Umas das capitais imperiais. E talvez a mais simpática entre elas (ou talvez a par de Praga)! 8)
Bom gosto diria, caro confrade! :smt023

_________________
Sempre me disseram... não fodas amanhã o que podes foder hoje!

28 Mar 2018
Perfil
Ouro
Avatar do Utilizador

Registado: 28 Out 2010
Mensagens: 5697
Positivos
139
Neutros
7
Negativos
5



TD's nos últs 90 dias: 0 - Voyeur
Mensagem Re: 23 anos após a 1ª viagem, 10 "voltas ao Mundo" depois... o que posso contar?! Experiências
JohnConnor Escreveu:
Se me permitem vou partilhar as minhas experiências :

1 - Munique
Vivi 2 anos em Munique e simplesmente adorei :smt049 É a minha cidade favorita, era a cidade que escolheria viver se me perguntassem. A cidade tem tudo: é moderna mas nao caótica. Praticamente nao tem desemprego. É perto das montanhas e da praia ( os lagos no norte de Itália ficam a 2h30 de caminho ). Fica no centro da Europa com comboios a saírem para todas as capitais europeias. Funciona lindamente, com imensos espaços verdes, sem transito caótico, e tendo varias sedes europeias de multinacionais encontras facilmente em bares e restaurantes pessoas de todo o mundo que é espectacular.

2 - Auckland. Auckland como a propria NZ é um país relativamente recente e ves isso ao vaguear por a cidade, em que nao vez mt historia, mt patrimonio, é tudo mt recente, mt predio.
Apesar disso, a Nova Zelandia é lindíssima. Tem paisagens de cortar a respiração. Todas as paisagens que vemos no Senhor dos Aneis e The Hobbit sao espectaculares, é um país onde iria viver só por a paisagem natural, vale a pena visitar.

3 - Lisboa :razz: Adoro Lisboa.

Umas postas de pescada :mozilla_tongue: em relaçao ás cidades que os confrades mencionaram

- NY Adorei, estava em Toronto em trabalho e tirei uns dias para atravessar o lago e ir a NY. A cidade é espectacular, nao tem outra maneira de dizer.

- Florença é lindissima.

- Roma é um museu gigantesco ao ar livre. Nao viveria em Roma, o transito e a quantidade de pessoas ( turistas ) é caotico.

- Milao, nao gostei.

- Londres, 2 Fds ainda nao deu para ver tudo :D

- De algumas das capitais da Europa Central ( Varsovia, Vienna, Budapeste ( desilusão), Lubliana, Bratislava ) a que destaco é Praga. Praga é muito muito bonita. Mulheres lindíssimas, edificios brutais, um rio espectacular. Adorei Praga.


Dear John, :smt005 :smt023

Munique é também a minha cidade preferida da Alemanha (e eu por trabalho ando mais por Frankfurt ou Estugarda). É uma das que equacionaria escolher se tivesse de morar fora do país (e tivesse essa escolha claro)! Cidade muito bonita mesmo, com uma qualidade de vida de verdadeiro 1º Mundo, e sendo a menos germânica das cidades alemãs (o que também pode ser um extra e é-o neste caso) consegue manter nela também as melhores virtudes que aquele país tem! Naquele top10 que coloquei no início, outra que fica "mesmo às portinha"!

O país é de facto algo de fabuloso! A Nova Zelândia portanto. Tive a oportunidade de estar em alguns desses cenários da trilogia do "Senhor dos anéis", como no chamado "Shire" (terra de hobbits e tal) que fica em Waikato no Norte da ilha do Sul daquele país; ou como alguns outros cenários que se encontram por ex na cidade de Queenstown, a maior da ilha do Sul. Sobre Auckland, gostei da cidade sim. E sim trata-se de uma "cidade nova", moderna. Sem grande história e tal, mas o modo como se estende para o Oceano e as peculiaridades locais (e dos locais... as neozelandesas são... taradas!!!), conferem um encanto especial aquela cidade (e não só)!

Pois, eu gosto de Lisboa. Nunca disse o contrário. Acho-a mesmo segundo alguns "prismas de observação" uma cidade bastante encantadora! Mas gosto mais do Porto. E de Coimbra. Nisto o coração manda...

NY nem vale a pena falar mais. Tive em Toronto uma vez e... "ah... assim, assim". Nada de especial. No Canadá: Montreal (que tenho o gosto de revisitar todos os anos), Quebec City e principalmente Vancouver! Mais desinteressante que Toronto, achei Ottawa.

Concordo com Florença e Roma (sim trânsito caótico). Não concordo com Milão (não sei, já lá passei tão bons momentos que talvez ache na cidade uma maior beleza do que a que realmente possui). Nunca será uma cidade linda, mas não a acho feia tb e estou longe de a achar desinteressante...

Para Londres 2 fds não chegam. Claro. Tem tanto para se ver e sentir vagueando-se por lá...

Gostei e gosto de todas essas cidades da Europa Central. Umas mais que outras. A única que talvez não me tenha cativado grandemente foi/é Varsóvia. Bratislava (que loucura em algumas noites do meu Interail...) e Ljubliana constituiram optimas surpresas pela positiva claro. Praga e Viena estão entre as minhas cidades predilectas do velho continente. Budapeste... não é uma cidade fácil... mas tem muitos encantos e como anualmente tb a visito (aliás o ano passado fui lá mm 2 vezes pois pela 1ª vez por lá passei no Inverno) vou aprendendo como tirar o melhor dela... acho eu... bem, o espírito de viajante tb tem de ser esse!

Mas concordo com a maioria do que escreveu caro Confrade! :smt023

_________________
Sempre me disseram... não fodas amanhã o que podes foder hoje!

28 Mar 2018
Perfil
Aprendiz

Registado: 26 Out 2015
Mensagens: 128
Positivos
6
Neutros
1
Negativos
3



TD's nos últs 90 dias: 0 - Voyeur
Mensagem Re: 23 anos após a 1ª viagem, 10 "voltas ao Mundo" depois... o que posso contar?! Experiências
Filipe C Pinto Escreveu:
JohnConnor Escreveu:
Se me permitem vou partilhar as minhas experiências :

1 - Munique
Vivi 2 anos em Munique e simplesmente adorei :smt049 É a minha cidade favorita, era a cidade que escolheria viver se me perguntassem. A cidade tem tudo: é moderna mas nao caótica. Praticamente nao tem desemprego. É perto das montanhas e da praia ( os lagos no norte de Itália ficam a 2h30 de caminho ). Fica no centro da Europa com comboios a saírem para todas as capitais europeias. Funciona lindamente, com imensos espaços verdes, sem transito caótico, e tendo varias sedes europeias de multinacionais encontras facilmente em bares e restaurantes pessoas de todo o mundo que é espectacular.

2 - Auckland. Auckland como a propria NZ é um país relativamente recente e ves isso ao vaguear por a cidade, em que nao vez mt historia, mt patrimonio, é tudo mt recente, mt predio.
Apesar disso, a Nova Zelandia é lindíssima. Tem paisagens de cortar a respiração. Todas as paisagens que vemos no Senhor dos Aneis e The Hobbit sao espectaculares, é um país onde iria viver só por a paisagem natural, vale a pena visitar.

3 - Lisboa :razz: Adoro Lisboa.

Umas postas de pescada :mozilla_tongue: em relaçao ás cidades que os confrades mencionaram

- NY Adorei, estava em Toronto em trabalho e tirei uns dias para atravessar o lago e ir a NY. A cidade é espectacular, nao tem outra maneira de dizer.

- Florença é lindissima.

- Roma é um museu gigantesco ao ar livre. Nao viveria em Roma, o transito e a quantidade de pessoas ( turistas ) é caotico.

- Milao, nao gostei.

- Londres, 2 Fds ainda nao deu para ver tudo :D

- De algumas das capitais da Europa Central ( Varsovia, Vienna, Budapeste ( desilusão), Lubliana, Bratislava ) a que destaco é Praga. Praga é muito muito bonita. Mulheres lindíssimas, edificios brutais, um rio espectacular. Adorei Praga.


Dear John, :smt005 :smt023

Munique é também a minha cidade preferida da Alemanha (e eu por trabalho ando mais por Frankfurt ou Estugarda). É uma das que equacionaria escolher se tivesse de morar fora do país (e tivesse essa escolha claro)! Cidade muito bonita mesmo, com uma qualidade de vida de verdadeiro 1º Mundo, e sendo a menos germânica das cidades alemãs (o que também pode ser um extra e é-o neste caso) consegue manter nela também as melhores virtudes que aquele país tem! Naquele top10 que coloquei no início, outra que fica "mesmo às portinha"!

O país é de facto algo de fabuloso! A Nova Zelândia portanto. Tive a oportunidade de estar em alguns desses cenários da trilogia do "Senhor dos anéis", como no chamado "Shire" (terra de hobbits e tal) que fica em Waikato no Norte da ilha do Sul daquele país; ou como alguns outros cenários que se encontram por ex na cidade de Queenstown, a maior da ilha do Sul. Sobre Auckland, gostei da cidade sim. E sim trata-se de uma "cidade nova", moderna. Sem grande história e tal, mas o modo como se estende para o Oceano e as peculiaridades locais (e dos locais... as neozelandesas são... taradas!!!), conferem um encanto especial aquela cidade (e não só)!

Pois, eu gosto de Lisboa. Nunca disse o contrário. Acho-a mesmo segundo alguns "prismas de observação" uma cidade bastante encantadora! Mas gosto mais do Porto. E de Coimbra. Nisto o coração manda...

NY nem vale a pena falar mais. Tive em Toronto uma vez e... "ah... assim, assim". Nada de especial. No Canadá: Montreal (que tenho o gosto de revisitar todos os anos), Quebec City e principalmente Vancouver! Mais desinteressante que Toronto, achei Ottawa.

Concordo com Florença e Roma (sim trânsito caótico). Não concordo com Milão (não sei, já lá passei tão bons momentos que talvez ache na cidade uma maior beleza do que a que realmente possui). Nunca será uma cidade linda, mas não a acho feia tb e estou longe de a achar desinteressante...

Para Londres 2 fds não chegam. Claro. Tem tanto para se ver e sentir vagueando-se por lá...

Gostei e gosto de todas essas cidades da Europa Central. Umas mais que outras. A única que talvez não me tenha cativado grandemente foi/é Varsóvia. Bratislava (que loucura em algumas noites do meu Interail...) e Ljubliana constituiram optimas surpresas pela positiva claro. Praga e Viena estão entre as minhas cidades predilectas do velho continente. Budapeste... não é uma cidade fácil... mas tem muitos encantos e como anualmente tb a visito (aliás o ano passado fui lá mm 2 vezes pois pela 1ª vez por lá passei no Inverno) vou aprendendo como tirar o melhor dela... acho eu... bem, o espírito de viajante tb tem de ser esse!

Mas concordo com a maioria do que escreveu caro Confrade! :smt023



Caro Filipe,

Na Nova Zelandia passei mais tempo na ilha do norte. Visitei o Mt. Taranaki e na volta para Auckland fiz a Forgotten World Highway. E visitei tb a 90 mile beach num fds que fiz a costa norte da ilha do norte, fui até á ponta norte e voltei para sul junto á costa.

Canada só estive mesmo em Toronto, tlvz noutra oportunidade.

Sim, Bratislava é do melhor. Estava em Munique a trabalhar e uma sexta feira viro me para o meu amigo "vamos alugar um carro e vamos embora daqui" assim foi.
Bratislava é pequena mas mt bonita e é tanta mas tanta rapariga boa e linda... Lembro me de estar no centro historico na esplanada a beber e as ruas parecerem uma passerelle.

Coimbra :) depois de viver em Lisboa, vim morar para Coimbra e estou a adorar. Gosto mt da cidade, é mt bonita e tem a combinação de centro urbano e "pacatez" na medida certa.

Estive recentemente na Guatemala. Pareceu me um país com potencial turístico nao fosse o problema da insegurança que afecta todos os países na america central. Que países daquela regiao já esteve?

Grande Abraço Confradre.
Boas Viagens

28 Mar 2018
Perfil
Ouro
Avatar do Utilizador

Registado: 28 Out 2010
Mensagens: 5697
Positivos
139
Neutros
7
Negativos
5



TD's nos últs 90 dias: 0 - Voyeur
Mensagem Re: 23 anos após a 1ª viagem, 10 "voltas ao Mundo" depois... o que posso contar?! Experiências
JohnConnor Escreveu:
Caro Filipe,

Na Nova Zelandia passei mais tempo na ilha do norte. Visitei o Mt. Taranaki e na volta para Auckland fiz a Forgotten World Highway. E visitei tb a 90 mile beach num fds que fiz a costa norte da ilha do norte, fui até á ponta norte e voltei para sul junto á costa.

Canada só estive mesmo em Toronto, tlvz noutra oportunidade.

Sim, Bratislava é do melhor. Estava em Munique a trabalhar e uma sexta feira viro me para o meu amigo "vamos alugar um carro e vamos embora daqui" assim foi.
Bratislava é pequena mas mt bonita e é tanta mas tanta rapariga boa e linda... Lembro me de estar no centro historico na esplanada a beber e as ruas parecerem uma passerelle.

Coimbra :) depois de viver em Lisboa, vim morar para Coimbra e estou a adorar. Gosto mt da cidade, é mt bonita e tem a combinação de centro urbano e "pacatez" na medida certa.

Estive recentemente na Guatemala. Pareceu me um país com potencial turístico nao fosse o problema da insegurança que afecta todos os países na america central. Que países daquela regiao já esteve?

Grande Abraço Confradre.
Boas Viagens


Epá do meu interrail, por ex, gostei particularmente do tempo despendido na Europa Central ou Leste (por ex, Eslovénia, Rep. Checa, Eslováquia ou Polónia...)! Lembro-me de sermos atacados positivamente por um "gangue" de eslovenas em Ljubliana (que tinham o apreciável hábito de jogar a um jogo de beber copos que metia linguados e que tb tinham como vestuário base, o uso de calças a cair pelo rabo a baixo (moda da altura)... TOP! Lembro-me de quase ser preso (sim praí a única vez que tive perto de isso me acontecer...) juntamente com 3 colegas meus em Praga (não interessa agora o porquê...) e de naquela magnífica cidade termos por hábito passarmos sempre junto a uma GP ítalo-brasileira (nunca percebi se era mais italiana ou mais brasileira... ou se era praí mais romena, coisa que desconfio mais agora...) que gentilmente nos apalpava todos e batia umas punhetas grátis... Recordo as noites loucas em Cracóvia (com nós a entoarmos algo como "Polska, polska, polska, no que me toques naquela cosa... la, la la, la, la - ou qq coisa assim...) ou em Bratislava (nessa altura a noite lá era baratíssima e andava-mos pelas pistas na noite munidos de "fada verde", ou seja garrafas de absinto a dar as gajas e embebedá-las... tipo táctica do perú... e elas gosta(va)m tanto de latinos... Enfim, recordar (também) é viver...

Na América Central e para além do México (e exceptuando Caraíbas) só conheço mais 2 países: a Costa Rica e o Panamá. Em ambos os casos fui lá em trabalho. Do Panamá não posso falar muito porque só por lá estive 2 dias e meio. Deu para ver aquela que é de facto umas das obras mais impressionantes de engenharia que se possa ver que é o Canal do Panamá claro, mas pouco mais. Não posso dizer que gostei ou desgostei. Pareceu-me que havia ali algo mais a explorar... mas não houve qq tempo para tal. Já da Costa Rica, posso dizer que adorei. Tive a sorte de estar por lá bem mais tempo (10 dias) e de ter tido tempo livre para a poder explorar um pouco. E o que dizer de um país que parece ser um Museu Natural por excelência. Que se orgulha do quão naturalista é... que possui uma diversidade em fauna e principalmente flora ímpares e no qual de manhã podes mergulhar no Pacífico e à tarde no Atlântico (ou vice versa)!!! San José não é de longe o mais interessante (embora em termos putanheiros seja um caso de estudo pois com muito "yankee" a atracar por ali... foi-se constituindo como um "sex destination") e até pode ser uma cidade complicada pareceu-me... mas no global a Costa Rica merecerá sempre uma visita! E que espero um dia revisitar (talvez com os meus próprios horários). Conheço quem já foi a países ali da zona como as Honduras, a Guatemala ou El Salvador, e nunca ouvi relatos de grande entusiasmo sobre (talvez aparte sobre algumas praias). São destinos que não me causam grande fascínio admito. O saber que são nações problemáticas, pobres e até violentas (por ex: São Pedro de Sula nas Honduras: https://elpais.com/internacional/2017/1 ... 55366.html ) retiram-me qq desejo de por ali passar. Posso estar a ser injusto, mas o que ouço dali é sobre gangues, violência e mortes. Muitas mortes!!! Portanto, aconselho a Costa Rica, apenas (tb não posso aconselhar onde não estive).

E para finalizar... sim, Coimbra. Dos estudantes, do choupal, dos amores... E tive muitos por lá tb... Por curiosidade amanhã mesmo vou lá regressar para conviver à mesa com alguns dos grandes amigos (originários um pouco de todo o país) que tive a sorte de fazer por lá e de manter até hoje (mérito não só meu). Verdadeiros "irmãos" que ficarão com toda a certeza para toda a vida, por muitas poucas vezes que agora possa estar na presença deles. É a vida que o dita, mas nunca irá ditar que perca a preciosa amizade deles e vice versa! Alguns pontos engraçados: vai fazer este ano, 2 dezenas de anos que lá "entrei"... porra parece que foi ontem!; hoje em dia um dos motivos para encontro com os amigos que lá fiz são os casórios da malta (tipo 1 ou mais por ano... tenho outro em Junho... mas já começam a faltar poucos... acho que vou ficar para último)! De Coimbra trouxe um canudo é certo (sobre o qual nem exerço), mas acima de tudo muitas memórias lindas, um bom nº de amigos muito especiais, aquele que foi talvez o meu 1º... grande amor e... o melhor da minha vida: a minha filha! Só por isso (mas claro está longe de o ser, foram 9 anos entre estudo e trabalho) Coimbra teria (e terá) sempre um lugar muito especial no meu coração!

:smt023

PS - Obrigado caro Confrade. O mesmo lhe desejo tb. A minha próxima (e em trabalho) será de 2 semanas divididas entre o Bahrain (grande spot para GPs... zz17 ) e Shanghai (grande spot... ponto final)! [bigsmile]

_________________
Sempre me disseram... não fodas amanhã o que podes foder hoje!

28 Mar 2018
Perfil
Ouro
Avatar do Utilizador

Registado: 06 Nov 2008
Mensagens: 1919
Localização: Nos confins do sistema solar...
Positivos
13
Negativos
1



TD's nos últs 90 dias: 1 - Andando / Cuscando / Sonegando
Mensagem Re: 23 anos após a 1ª viagem, 10 "voltas ao Mundo" depois... o que posso contar?! Experiências
Meu caro,

Falaste no Panamá... e tocaste num dos meus segredos mais bem escondidos.
O Canal do Panamá vale a pena como obra de engenharia, mas fantástica, mesmo, é a zona interior, sobretudo o lago Gatún, onde não houve intervenção humana. É selva pura, mas com uns hotéis de charme que são um encanto.

A Cidade do Panamá, por vezes, faz lembrar uma Nova Iorque em miniatura, mas também há cidades, como Boquete e David, que são bastante cativantes.

Acima de tudo, dois arquipélagos de sonho: Bocas del Toro e, sobretudo, San Blás (ou Kuna Yala), onde se está em pequenas ilhotas tipo desenhos animados (areia branca, palmeiras, mar transparente juncado de corais) e que, em seis das cerca de 40 ilhas, são habitadas pelos índios kuna, os indígenas locais que têm língua e religião próprias e com representação no parlamento.
Passei ali dias de sonho, entre mergulhos, a comer marisco, a conviver com os kuna e dormir numa cabana construída por eles numa ilhazinha só minha, sem electricidade nem rede de telemóvel - mas a ouvir ali bem perto o marulhar das ondas rasteiras e a ver a Lua cheia nos intervalos das canas da cabana.
E onde passei noites inesquecíveis com a única turista que ali esteve na mesma altura: a doce Karen, uma peruana tão doce como boa (boa, boa, boa!) - eis uma das vantagens de viajar sozinho...

_________________
Love will tear us apart, again...

29 Mar 2018
Perfil
Ouro
Avatar do Utilizador

Registado: 28 Out 2010
Mensagens: 5697
Positivos
139
Neutros
7
Negativos
5



TD's nos últs 90 dias: 0 - Voyeur
Mensagem Re: 23 anos após a 1ª viagem, 10 "voltas ao Mundo" depois... o que posso contar?! Experiências
Pois... eu não saí da Cidade do Panamá. Devo ter estado aí umas 60 horas por aquelas paragens. E entre trabalho (e compromissos sociais inerentes a ele) e dormir... devo ter tido umas 3 ou 4h livres no máximo à minha disposição... Foi pena, claro. Eu sabia que existem para ali umas ilhotas e umas coisas engraçadas... mas percebi logo que não teria qq hipótese... talvez um dia regresse!
Curiosamente tenho 2 grandes amigos que foram lá no Verão passado (julgo que 2 semanas) mas por acaso ainda não falei com eles acerca de. Obviamente já estive com eles depois disso, mas engraçado que nunca puxei a conversa para saber em pormenor o que fizeram e por onde andaram. Tenho de o fazer um dia destes.
Um dia falarei aqui um pouco mais sobre a Costa Rica. Recomendo(-te) muito tb (se não a conheces já). :smt023

_________________
Sempre me disseram... não fodas amanhã o que podes foder hoje!

29 Mar 2018
Perfil
Ouro
Avatar do Utilizador

Registado: 21 Mar 2007
Mensagens: 3013
Localização: Lisboa
Positivos
88
Neutros
14
Negativos
12



TD's nos últs 90 dias: 0 - Voyeur
Mensagem Re: 23 anos após a 1ª viagem, 10 "voltas ao Mundo" depois... o que posso contar?! Experiências
Plutão Escreveu:
vicente Escreveu:
Boa Plutao não me digas que es o Nuno Lobito!!!!


Epá, vicente...

Não, não sou, mas tem vezes que não me importava.
No meu currículo apenas tenho 57 países... :(


When travel is a pleasure

apenas 57 :-k
grande abraço

_________________
''Se algum dia não me encontrares procura-me nas oportunidades que perdestes''

11 Abr 2018
Perfil
Mostrar mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar Novo Tópico Responder a este Tópico  [ 30 mensagens ]  Ir para página Anterior  1, 2


Quem está ligado:

Utilizadores a ver este Fórum: Nenhum utilizador registado e 2 visitantes


Criar Tópicos: Proibído
Responder Tópicos: Proibído
Editar Mensagens: Proibído
Apagar Mensagens: Proibído
Enviar anexos: Proibído

Ir para:  


 

Powered by phpBB © phpBB Group.
Designed by Vjacheslav Trushkin for Free Forums/DivisionCore.
Traduzido por phpBB Portugal